8 meses do meu Ben, meu amor

Eu nunca tive muito contato com bebês, para ser bem sincera eu nunca tive jeito para segurar bebê recém nascido e nunca, NUNCA (leu bem?!) havia trocado fraldas! Aí chega o pequeno Ben e me torna mãe e me ensina diariamente um bocado de coisas sobre a vida materna.

Meu Ben completa hoje 8 meses! É engraçado como tudo o que o filho faz é impressionante aos olhos dos pais de primeira viagem. É surpreendente o desenvolvimento de um mês. Nesses 30 dias Benjamin começou a dar tchau, chamar com a mãozinha, mandar beijo, bater palminhas, falar “bobó”, “baba” e “papa” (alguns julgam ser vovó e papai, mas eu acho mesmo que ainda é a linguagem dos bebês), passou a ficar na posição para engatinhar e faz vários ensaios para dar início a exploração ao mundo. Ai meudeus ninguém segura esse bebê. Ele já sabe o poder que possui o interruptor de luz e quer de qualquer maneira apertar. E quando a gente dá pra ele sua caixinha de brinquedos?! Geeeente, esse menino fica numa alegria! Ele tira um brinquedo por vez como se estivesse descobrindo um mundo (o que não deixa de ser uma verdade). É mais engraçado quando ele faz “óóóó” com um biquinho, tipo “óoo olha isso aqui que interessante” e olha pra gente esticando o brinquedo!

Se você sorri pra ele, Benjamin retribui com um sorriso largo, radiante! E quando não abre o sorrisão habitual, ele simplesmente sorri com os olhos. Ele adora nosso abraço coletivo (eu, ele e o marido num abraço só), sério ele dá gargalhada. E agora deu para rir de umas piadas que eu e o marido fazemos entre nós. Acho que a entonação da fala é que faz ele achar graça. Outro dia alguém me falou “com os pais que tem, Ben não poderia ser diferente”. Taí! Somos pessoas alegres, de ótimo humor, pra cima. Acho que somos um casal espirituoso e a equação Gabis + Piffer, resultou em: Benjamin! Não poderia ser mais positivo.

E o amor? Como fazer caber dentro de mim?! Amo aquelas bochechas rosadas. Amo aqueles olhinhos brilhantes. Amo aquelas mãozinhas, aquelas coxinhas, aquela boca linda, aqueles pezinhos, todos os seus dedinhos, seus cotovelos e joelhos com furinho. Amo cada caretinha que ele faz, cada gesto. Amo seu sorriso, que me traz uma alegria e satisfação infinita. Amo seu entusiasmo. Humildemente, amo, amo, amo esse menino!

A cada dia ele se desenvolve e me faz crescer como mãe, pessoa e cidadã. Como pode um ser tão pequeno, com tão pouco tempo de existência nos dar uma lição de vida e de amor?!

Passados esses 8 meses eu ainda me questiono TODOS os dias: eu gerei essa pessoinha, é parte de mim. Como pode? A natureza é maravilhosa! Sinto-me tão iluminada, tão abençoada, tão feliz!

20120216-081400.jpg

Anúncios
Post anterior
Deixe um comentário

2 Comentários

  1. Parabéns para o Ben!!! Eu amo esses novos acontecimentos diários! 😉 Eles nos ensinam tanto! A importância de cada nova situação para eles faz com que a gente perceba o valor nas pequenas coisas. Sei que parece meio coisa de livro de auto-ajuda o que falei rs Mas é isso o que sinto acontecer! 😉 Um beijo para vcs!

    Responder
    • Oi Julia!!!!! Coisa de livro de auto-ajuda nada, nos sentimos maravilhadas com cada desenvolvimento pois sabemos a importância de casa pequena evolução!
      beijo grande pra vocês também!!!

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: